Última atualização em .

De novo mais um topo da Bovespa e outra queda do dólar

Repetindo o artigo do dia 28/10:

"Ainda na esteira do otimismo da reforma da previdência e com exterior operando altas com boas expectativas próxima sexta de acordo formal entre EUA x China, puxou novamente Ibov pra cima e derrubou dólar. De novo. Há expectativa de que o FED (banco central americano) reduza a taxa de juros em 0,25 pontos"

Justamente o ocorrido. FED reduz hoje taxa de juros do mercado americano para a janela 1,50% - 1,75% e o COPOM também cortou juros por aqui, para 5,0% a.a. Hoje tivemos direcionamento claro de possibilidade de privatização de empresas de saneamento com a aprovação do marco regulatório do setor. 

Os destaques de hoje da Bovespa foram para Itaú +0,63% (ITUB4), Ambev -0,11% (ABEV3), Bradesco +0,47% (BBDC4), Petrobrás ON +1,21% (PETR3), e Petrobrás PN +0,87% (PETR4). Bovespa subiu 0,79% em mais um recorde aos 108.407 pontos. Dólar caiu 0,28% a R$ 3,988.

 

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário