Última atualização em .

Porque a Bovespa tem leve recuperação com um mundo tão otimista

Mesmo com registro de máximas históricas em índices da bolsa americana, Europa e Ásia em forte alta também, Bovespa registra alta tímida. Mas porquê? 

Muito tem se especulado que é por conta de uma demora em sinais melhotes de desenvolvimento da economia. Eu particularmente tenho outra teoria. Em 4 anos o índice Ibov subiu 200% e metade disso se deve a entrada de capital estrangeiro. Agora, muito se fala de saída de capital estrangeiro da Bovespa. Em 2019 saíram R$ 44 bi. Em 2020 já saíram R$ 5 bi. Ora, esse valor vendido pelos investidores estrangeiros foram absorvidos pelos nacionais. Excelente. Brasileiro PF e PJ está apostando no país e assim ao retornarem terão que pagar um preço maior pelas ações. Essa saída muito mais aponta para movimento de realização e fica óbvio entender por um simples raciocínio: se em 2016, investidores estrangeiros tinham de saldo R$ 300 bi e de lá pra cá com a valorização do índice eles tiverem de saldo R$ 900 bi. O saque de R$ 50 bi de 2019 pra cá ainda denota um aumento de posição do estoque de capital estrangeiro na Bovespa. Essa é a minha teoria.

Se pegar o dólar 2016 para cá ele está praticamente no mesmo patamar, o que denota que Real está mantendo desvalorização e fluxo em patamares pré-crise que afundou o Brasil no 2º mandato da ex-presidente Dilma. Fluxo e desvalorização fundamentando que saída da Bovespa dos estrangeiros não é fuga, mas realização de lucros via aumento de posição na Bovespa.

Os destaques de hoje da Bovespa foram Itaú +0,20% (ITUB4), Ambev -0,32% (ABEV3), Bradesco +1,43% (BBDC4), Petrobrás ON +0,32% (PETR3), e Petrobrás PN -0,10% (PETR4). Bovespa subiu 0,25% aos 116.704 pontos. Dólar estável 0,00% a R$ 4,1845 tendo atingido R$ 4,20 no intraday.

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário