Tag: trade

Feed de RSS para trade

Última atualização em .

Possibilidade de estímulos para a economia americana faz bolsas crescerem

Talvez haja uma possibilidade de aprovação de estímulos fiscais na economia americana antes das eleições. Foi o suficiente para  que os rendimentos do Tesouro subissem juntamente com as cotações das ações de bancos, enquanto legisladores em Washington continuavam a estudar redução de gastos. Investidores do mundo todo se preparam para o debate presidencial final das eleições americanas ...

Última atualização em .

Mesmo com cenário externo em queda, Bovespa fecha estável

Bovespa fecha estável em +0,01% mesmo com cenário externo ruim, devido a demora na aprovação de estímulos nos EUA e não deve sair antes das eleições. A margem de vitória de Biden nas pesquisas tem caído, o que pode levar a Trump questionar judicialmente um resultado desfavorável nas eleições caso não consiga a vitória ...

Última atualização em .

Maia diz que prioridade é controle de despesas públicas, reformas administrativas e tributárias e mercado decola

Presidente da câmara, Rodrigo Maia, acena com afagos a Paulo Guedes e que prioridade da casa é pautar controle de gastos, reformas administrativa e tributária e Bovespa decola 2,33%.

 

Exterior também ajudou. Retomada da concessão do auxílio pandemia para as famílias americanas e investidores já digerindo uma provável derrota de Trump, pacificou os ânimos ...

Última atualização em .

Mercados diminuem perdas enquanto o Tech Rally dá platéia para a derrocada dos bancos

Ações em NY reduziram as perdas com a recuperação de alguns gigantes da tecnologia, reduzindo a preocupação com medidas de estímulo econômico e o relatório sobre US$ 2 tri em transações suspeitas de bancos globais. Os títulos do tesouro americano e o dólar subiram.

Depois de se aproximar do limite que muitos investidores consideram ser ...

Última atualização em .

Bovespa encerra semana acumulando queda

Bovespa encerra a semana acumulando queda de 2,84% no período. Receio de uma 2ª onda do Covid 19 nos EUA que está prestes a reabrir sua economia derrubou bolsas em todas as américas ontem. Além disso, o testemunho de Fed Powell sobre as atas das reuniões da Câmara e do FOMC será cuidadosamente observado ...

Última atualização em .

Cadês os fim dos mundo? Cadê os circuit breaker loko?

Ontem Bovespa fechada e bolsas ao redor do mundo fecharam em forte queda, com realização de ganhos e receios de 2ª onda de Covid 19 em alguns estados americanos. Já hoje fechou a bolsa americana fechou em terreno positivo. A Bovespa interrompeu movimento de alta de 3 semanas, mas como frisei muito em meu grupo ...

Última atualização em .

Brilha brilha estrelinha lá no alto lá no céu... Bovespa dispara

Com o otimismo do mercado internacional e ida para o segundo plano das asneiras e sandices da política nacional, a retomada das principais economias contagiou investidores e fez bolsas fecharem em alta. A expectativa é de que governos mantenham pacotes de estímulos fiscais por mais alguns meses e minimizem os efeitos na economia da pandemia ...

Última atualização em .

Ritmooooo... É ritmo de festaaaaaa

Bovespa vai no 5º pregão seguido de alta e resistiu até o movimento de reallização de lucros no exterior. O índice S&P500 (EUA) caiu 0,34% e Micex (Rússia) -2,29%.

Os destaques de hoje da Bovespa foram Itaú +2,89% (ITUB4), Ambev +0,98% (ABEV3), Bradesco +1,44% (BBDC4), Petrobrás ON +0,45% (PETR3 ...

Última atualização em .

And I think to myself, what a wonderful world.O mundo está vencendo a pandemia

Wall Street encerrou o pregão dessa quarta-feira profundamente no verde, com o Dow Jones subindo mais de 500 pontos e o S&P 500 registrando sua maior sequência de altas desde fevereiro, enquanto os bloqueios sociais diminuem em todo o mundo, aumentando as esperanças de uma recuperação econômica mais expressiva. O sentimento de apoio foi ainda ...

Última atualização em .

Bolsas sobem com ao redor do mundo: otimismo

O otimismo com a reabertura econômica em diversos países da Europa e nos Estados Unidos puxou bolsas e também os preços das commodities. Valorizou as moedas de países emergentes, incluindo o real e fez o petróleo voltar para os níveis de março, apesar de o barril ainda estar 40% abaixo do valor do início do ano ...