Última atualização em .

Mercado nos EUA volta a se aproximar de recordes

Enquanto a Bovespa volta a cair após realização de lucros

O Dow Jones e o S&P 500 chegaram perto de terminar em território recorde na quinta-feira, já que o otimismo sobre a temporada de resultados corporativos com lucros acima das expectativas e a promessa do Federal Reserve de manter sua política monetária acomodatícia superaram os riscos de um ressurgimento nos casos COVID-19. Na frente econômica, uma leitura preliminar do PIB ficou muito aquém das expectativas de Wall Street, mas colocando o nível dos volumes de produção acima do nível pré-pandemia pela primeira vez. Um sinal que o crescimento está mais fraco do que o esperado também cimentou a narrativa de que o banco central dos EUA continuará a permanecer ultra-acomodatício até que a economia se recupere ainda mais, o que, por sua vez, aumentou o apetite pelo risco e pelo mercado financeiro.

Aqui no Brasil, a Bovespa se descolou do otimismo internacional e caiu 0,48% aos 125.675 pontos. Realização de lucros (venda pelos investidores após obtenção de ganhos) de Blue Chips como Itaú, Vale, Bradesco e Weg derrubaram o índice. Pesa no sentimento do investidor preocupações com a definição da taxa juros na próxima semana que pode trazer atrativos para renda fixa e redução do apetite por risco e volatidade. Os destaques de hoje foram para Ambev (ABEV3) -1,15%, Itaú (ITUB4) -0,52%, Bradesco (BBDC3) -0,52%, Petrobrás ON (PETR3) -0,39% e Petrobrás PN (PETR4) +0,36%. 

Sinais da economia americana

A economia dos EUA avançou 6,5% no trimestre anualizado no segundo trimestre de 2021, bem abaixo das previsões do mercado de 8,5%. Os gastos com consumo pessoal cresceram 11,8%, refletindo o crescimento no setor de serviços (12%) e bens não duráveis (12,6%), à medida que os americanos vacinados viajam e se envolvem em atividades que antes eram restritas. O investimento fixo não residencial (8%), as exportações (6%) e os gastos dos governos estaduais e locais (0,8%) também aumentaram. Já as contribuições negativas vieram dos investimentos em estoques privados, investimentos fixos residenciais (-9,8%), gastos do governo federal (-10,4%) e importações (-7,8%). A rápida disseminação da variante delta do coronavírus, interrupções na cadeia de suprimentos, escassez de trabalhadores e um mercado imobiliário paralisado estão pesando no crescimento para o resto do ano.

 

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário