Última atualização em .

Bovespa tem 2 queda consecutiva com economia

Mas sobe 1,8% na semana

O índice de ações do Brasil, Ibovespa, apontou uma segunda queda consecutiva nessa sexta-feira com investidores avaliando as primeiras medidas econômicas do governo Lula ao mesmo tempo que recebem uma série de lucros corporativos de grandes bancos americanos. O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anunciou na quinta-feira um amplo pacote de medidas com a promessa de entregar uma melhora fiscal de R$ 242,7 bilhões nas contas públicas neste ano, embora tenha admitido que o efeito pode ficar abaixo das expectativas. Haddad disse que o governo do presidente de esquerda Luiz Inácio Lula da Silva pretende reduzir o déficit primário de 2023, antes do pagamento de juros, para algo entre 0,5% e 1% do PIB, ou R$ 90 bilhões a R$ 100 bilhões. O pacote anunciado pelo governo tem impacto de R$ 242,7 bilhões sendo R$ 156,3 bilhões só com aumento de impostos, como volta do PIS/COFINS sobre combustíveis e aumento de impostos sobre produtos básicos. Nada de cortes.

No front corporativo, a Petrobras e outras petrolíferas, juntamente com os bancos, lideraram as perdas, enquanto o varejo avançava firmemente impulsionado pela recuperação de quase 10% das ações da Lojas Americanas, após uma queda de 77% no dia anterior. O Ibovespa subiu 1,8% nesta semana.

O índice Ibovespa caiu 0,84% aos 110.916 pontos. Os destaques de hoje foram para Ambev ON (ABEV3) -1,56%, Banco Itaú PN (ITUB4) -0,50%, Banco Bradesco ON (BBDC3) +0,38%, Petrobrás ON (PETR3) -0,22% e Petrobrás PN (PETR4) -0,24%.

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário